Usando Farinha de mandioca como substituta de areia sanitária

Farinha de MandiocaNo post Como escolher a melhor areia para seu gato, a Leila sugeriu utilizar farinha de mandioca crua da Yoki no lugar da areia para gatos. Achei a dica interessante e resolvi testar com meus gatinhos. Detalhe: tem que ser a farinha de mandioca crua fina da Yoki, outras não servem.

No mercado comum só encontrei pacotes de 500gr dessa farinha, a um preço médio de R$ 4.00. Como ela é pesada, ou seja, não tem muito volume, é preciso uns 3 kg no mínimo pra uma caixa de areia. Comprando saquinhos de 500 gramas seu custo será de R$ 24.00, ou seja, mais caro que a maioria das areias.

Então para utilizar com esse propósito só vale a pena comprando no atacado os pacotes maiores. Encontrei em um atacadista (Samsclub) o pacote de 5kg por R$ 11.67. Encontrando a farinha por esse valor a troca se torna interessante, pois um saco deve durar aproximadamente uns 20 dias para um ou dois gatos (trocando tudo e lavando a caixa a cada 10 dias).

Outra vantagem é que ela forma torrões bem firmes, o que facilita a limpeza. Nesse quesito ela é até melhor que a CatsBest, pois não há desperdício algum.

Os gatos aceitaram bem a farinha, achei que eles poderiam estranhar mas não, aceitaram muito bem a mudança.

Seria perfeita, se não fosse um pequeno problema: o cheiro de farinha azeda depois de alguns dias. Em casa temos duas caixas de areia, uma dentro de casa, na área de serviço, e uma fora, no quintal. Na caixa de fora a farinha de mandioca vai muito bem, os gatos usam, forma torrão, não faz muita bagunça.

Agora, na caixa que fica dentro de casa, não deu muito certo. Depois de uns 3 dias, a farinha começa a cheirar azedo. Aqui na minha cidade o clima é muito úmido, sempre por volta dos 80% a 90% de umidade. Acredito que a farinha absorva essa umidade e comece a estragar com o passar dos dias. Se saímos durante o dia inteiro e a casa fica quase toda fechada, o cheiro fica bem desagradável. Então é bom somente se você consegue deixar a caixinha em um lugar bem ventilado ou fora de casa.

Pontos positivos: econômica, biodegradável, forma torrão.

Pontos negativos: cheiro, peso.

Enfim, substituir a areia de gato tradicional por farinha de mandioca Yoki crua pode ser uma boa idéia, desde que você compre os sacos de 5 kg em atacadistas e coloque a caixinha do lado de fora de casa ou em área bem ventilada.

Posts relacionados:

Como escolher a melhor areia para seu gato.

Review: Micro Cristais de Sílica Chalesco.       

Piometra – sintomas e castração preventiva

deedeeMinha Deedee estava com a barriguinha dura e com um pouco de corrimento na vulva parecendo sangue seco.  Esses sintomas podem indicar piometra, uma infecção no útero do animal cujo tratamento é a castração, sendo mais comum em cadelas do que em gatas.

Deedee vai fazer 10 anos em setembro de 2013 e não, ela não é castrada. Ok, ok, ok… eu sei que deveria tê-la castrado cedo pra nem correr o risco dela ter piometra e evitar filhotes e etc.  Me arrependo de não ter feito, mas, enfim, aconteceu. Sou humana: cometo erros. Por isso procuro não ser tão dura com aqueles que ainda estão trilhando o caminho, afinal, todos nós estamos.

Achava que tinha que esperar o primeiro cio da gata, o que hoje sei que é pura mentira perpetuada por aí. Nessa de esperar o primeiro cio, vieram Dexter, Ronrom e mais uma gatinha que doei (a única ninhada que ela teve mas sempre foi a mãezinha dos gatinhos que acolhi da rua). Depois esperei os filhotes dela crescerem e quando vi, a gata já estava com quatro anos e a castração já não seria mais tão simples pelo fator idade. Nunca dei injeção para minhas gatas, mas elas não tem acesso à rua.

Se isso acontece com pessoas que tem acesso à informação como eu, quem dirá o que não acontece por aí, por simples falta de conhecimento das pessoas. Conto a história da Deedee pois gostaria de alcançar mais pessoas para a necessidade da castração precoce de nossos queridos companheiros, principalmente para as gatas, pois é muito mais simples uma castração preventiva precoce do que uma por necessidade em virtude de desenvolvimento de piometra.

Castre seu pet o mais breve possível que isso fará com que tenha mais qualidade de vida. A idade ideal para isso pode ser a por volta dos quatro meses até os dois anos de idade. Não que a cirurgia não possa ser feita depois, mas há uma série de cuidados a ter depois disso, por exemplo, após os dois, três anos, a anestesia mais indicada é a inalatória e não a injetável. Na minha cidade  nenhum médico veterinário faz a anestesia inalatória, sendo necessário se deslocar até Curitiba ou outro centro, o que aumenta a dificuldade.  

Felizmente a Deedee só teve uma constipação intestinal e foi constatado pelo ultrassom que o aparelho reprodutivo dela está perfeito. Também não tem febre e está ativa com sempre. Estou tratando ela com o laxante, flotril e probiótico que o veterinário receitou. Está ótima e a cirurgia de castração para ela foi descartada por enquanto pelo fator idade e pelo risco da cirurgia.

Sempre bom lembrar: ok pesquisar na internet para saber mais, mas sempre leve seu animalzinho ao médico veterinário, pois ele é a pessoa que melhor pode cuidar de seu pet.

Assista no canal Petshop a entrevista com a Dr Lucia falando sobre piometra.

 

Arranhador Emery Cat

Em nossa última viagem de férias para Miami, passamos em um pet shop muito grande: a Petsmart. Interessante ver a variedade de produtos que eles tem lá, tem muita coisa bacana. A loja é do tamanho de um hipermercado e é recheada dos mais incríveis produtos pensados para seu pet. A seção de gatos ocupa uns três corredores inteiros e minha mala ficou pequena pra tudo que eu queria comprar. Tive que me conter pra não lotar as malas de presentinhos pras crianças. Nunca vi esse nível de especialização no Brasil, nossa indústria ainda engatinha na área pet.

Aproveitei para comprar um arranhador que tinha visto em propagandas na televisão, o  Emery Cat. Lá, nos Estados Unidos, faz muito sucesso esse arranhador de papelão que promete deixar as unhas do seu gato sempre aparadas.

Basicamente se trata de uma base arredondada que serve de suporte para um papelão bem grosso, com formato de favo de mel. Os gatos são atraídos pelo formato anatômico e adoram arranhar a superfície do papelão, o que ajuda a manter as unhas aparadas. Meus gatos gostam também de ficar em cima do arranhador pra fugir do piso frio e de se esfregar no papelão.

Pilantra, a minha caçula de seis meses, amou o brinquedinho de penas que vem junto com o arranhador. Vem junto também um saquinho de catnip mas nem precisei colocar no arranhador para os gatos se interessarem.

O único porém é que os gatos gostaram tanto que em pouco tempo o papelão já era. Quatro gatos destruíram um refil em aproximadamente três meses. Mas se você tiver apenas um gato, acredito que um refil deva durar um ano para ele. Só não recomendo usar o refil sem a base, pois ele fica mais frágil e esfarela.

Nos Estados Unidos é possível comprar refil para o Emery Cat. Aqui no Brasil ainda não achei o refil, mas já é possível comprar o arranhador online. Para ajudar quem quer o refil, me disponho a trazer na próxima viagem que eu ou meu marido fizermos para os EUA. Quem tiver interesse nesse ou em qualquer outro produto de lá, desde que legal e não muito grande, me mande uma mensagem pelo formulário de contato para uma cotação.

Update: Agora você pode comprar o arranhador ou o refil diretamente na seção Gatos em Foco. que a gente envia diretamente dos Estados Unidos para seu endereço no Brasil.

Se seu gatinho gosta de papelão, vai adorar esse arranhador. Aqui em casa nem todos os meus gatos gostam de arranhador de sisal, mas papelão é unanimidade.

Arranhadores são importantes para manter sua mobília a salvo das garrinhas alheias. Gatos tem necessidade e sentem prazer em arranhar. Então, antes de brigar com seu bichinho por estragar o sofá, compre pra ele um belo arranhador.

Saiba mais:

Abaixo seguem dois posts que escrevi sobre arranhadores no Código Livre, anos atrás, quando ainda não tinha começado este blog.

Arranhadores para gatos. Qual o melhor modelo.

O maior arranhador do mercado.

Como fazer uma gatoca

No post sobre a portinha para gatos que a Bia escreveu para nós, uma leitora questionou o tamanho da abertura da porta, para saber se a abertura de 15x15cm  era suficiente para seus gatos passarem.

Como eu não tenho instalada umaportinha dessas em casa, fiquei pensando em como poderia testar se a abertura era suficiente para gatos grandes.

Então aproveitei a idéia que a assim e resolvi construir uma gatoca aproveitando caixas de papelão usadas e montando um playground para os bichanos.

Além de ser uma diversão garantida para os gatinhos, que adoram caixas, reutilizar caixas de papelão é uma atitude ecologicamente correta.

Descobri que Post da Ana Telma no Flickr – Reutilizar 15×15 cm são boas para gatos médios e se seu gato for mais idoso e muito grande, essa abertura é pequena. Todos meus gatos passam por uma abertura de 15×15, inclusive o Dexter, que é o maior. Caso tenha dúvida se seus gatos passam por essa porta, construir uma gatoca para teste é uma boa idéia.

Materiais necessários:

– 3 ou mais caixas de papelão  de tamanhos variados;

– fita larga;

– tesoura;

– régua;

– folha para recortar o molde.

Montagem:

Para construir uma gatoca, recorte primeiro em uma folha de sufite um molde de 15×15 cm.

Use o molde para recortar uma portinha a 5cm do chão na caixa maior e mais portinhas internas interligando as caixas menores umas nas outras. Na parte interna, recorte 3 lados do moldes em uma caixa e, na outra caixa para encaixar melhor, recorte também 3 lados, só que deixando o lado contrário sem cortar. Deixe em uma caixa o lado esquerdo sem contar e na outra caixa o lado direito sem cortar. Use essas abas para encaixar uma caixa na outra, prendendos nas laterais. Depois é só fixar tudo muito bem com bastante fita.

Dá bastante trabalho cortar as aberturas no papelão, mas com um pouco de paciência e boa vontade não é difícil de fazer.

Para fazer uma gatoca com 3 caixas eu uni duas e depois uni uma terceira nas duas, com duas aberturas, assim. Me perdoem as fotos borradas. Os gatos não paravam quietos pra tirar uma boa foto… Solte a imaginação e faça a gatoca com quantas caixas e aberturas quiser.  Pode colocar caixas em cima, do lado, uma seguida da outra, etc. De qualquer forma, se uma caixa já é divertida para eles, várias caixas então, é muito mais diversão!

Agora a minha gatoca já está toda detonada. Os gatos gostaram tanto que destruiram. Mingau principalmente adora afiar as unhas no papelão.

Nesse inverno está tão frio que coloquei a caminha deles dentro da caixa maior da gatoca. Assim, dormem todos dentro da caixa que é mais quentinho, pois o papelão segura o calor.

Leia mais:

Ginny, Mac e a portinha para gatos

Post da Ana Telma no Flickr – Reutilizar

Protegendo seu pet do frio

Como plantar erva de gato

Encontrei no supermercado erva seca que se compra em petshops, naquelas gondolas de sementes que tem nos mercados, sementes de Nepeta Cataria, também conhecida como catnip ou erva de gato, e resolvi comprar um pacotinho para experimentar plantar em casa.

Há aproximadamente dois meses, plantei as sementes em uma floreira a uma distancia de 2cm entre elas, com 1cm de profundidade, em terra adubada e arejada. Agora elas estão crescidas, como podem ver na foto acima.

Percebi que essas plantas gostam bastante de sol e as que pegavam mais sol, do lado direito, cresceram mais.

Basta regar sem encharcar demais a terra todos os dias para as plantinhas crescerem bem. O mais difícil foi manter os gatos longe das mudas, pois Mingau, Dexter e Deedee adoram comer as folhinhas.

Já a Kitty não gostou das folhinhas frescas, apesar de ela adorar a catnip seca.

Como essas plantas atingem 60cm de altura, acho que vou fazer um desbaste nelas, pois a floreira já está ficando pequena.

No pacote se recomenda o transplante das mudas para o vaso definitivo com 10cm de altura.

Agora que estou morando em um apartamento com uma boa varanda, é ótimo ter esse espaço para cultivar algumas platinhas. Além da erva-de-gato, plantei hortelã e alecrim e planejo plantar mais temperos por uma alimentação mais saudável.

É verdade que dá trabalho cuidar das plantinhas, afinal, são  mais seres vivos para você cuidar e elas não vão miar pedindo água. Além disso, elas precisam de muito sol e, dependendo do lugar em que você mora, vai ficar inviável plantar catnip.

E é verdade também que os benefícios compensam. Pois mexer com a terra faz a gente se conectar novamente com as nossas origens e é muito bom para a alma. Acompanhar de perto a natureza, ver as plantinhas crescendo, nessa nossa vida tão corrida, parece mágica.

Pode ser um pouco complicado encontrar as sementes de nepeta cataria para comprar em sua cidade. Comece procurando nos supermercados e nas agropecuárias. Existem alguns sites que vendem a semente pela internet, além de algumas pessoas que vendem pelo mercado livre. Infelizmente não posso indicar, pois não testei nenhum desses serviços.

Enfim, como já comentei em outro post, meus gatos adoram comer catnip seca. E agora sei que eles também adoram a plantinha fresca. Então, seja fresca ou desidratada, ofereça sempre catnip para seus gatinhos. É diversão garantida.