Artigo escrito por

Adriana T. Saito é funcionária pública, formada em direito, apresenta juntamente com seu marido Ricardo Macari o Podcast Código Livre e é uma apaixonada pelos gatos, tendo cinco em casa: Kitty, Dexter, Mingau, Deedee e Pilantra.

10 Comentários

  1. Rachel
    Rachel 19/01/2009 at 08:42 | | Responder

    Cortar as unhas da Annita é uma operação de guerra, que envolve estratégia: enquanto meu marido chama atenção dela e faz com que ela concentre a ira e as tentativas de ataque nas mãos dele, eu aproveito a distração pra ir cortando. rsrs
    O problema é que ela viveu boa parte da vida no apartamento em que eu morava com a minha avó. Lá era térreo, com uma área cimentada, quase um quintal. Como ela gastava as unhas, não precisava cortar.

  2. ricardo
    ricardo 21/01/2009 at 10:54 | | Responder

    Para cortar a unha dos nossos é necessario um segurar o gato, com muita determinacao enquanto outro corta as unhas. Atividade estressante para todos os envolvidos. :)

  3. Lorrene
    Lorrene 21/01/2009 at 12:24 | | Responder

    Taí algo que nunca fiz, cortas as unhas dos gatos, antes morava em casa com varanda e quintal, então os gatos tinham espaço p/ tudo e como aparar sozinho as unhas.

    Agora moro em apartamento mas também não corto, a gata apara sozinha, antes era em um tapete antigo, agora em algumas malas antigas. Todavia eu terei que ver logo uma forma de cortar, pois devo me livrar dessas malas.

  4. Fique por dentro Gatos » Blog Archive » Cortador de unhas para gatos | Gatos em foco

    [...] animais. Assim, o ideal é sempre apará-las até para o conforto dos pets, que. fique por dentro clique aqui. Fonte: [...]

  5. Bruno
    Bruno 26/01/2010 at 15:02 | | Responder

    da primeira vez que fui cortar as unhas da minha gatinha eu pensei que ia ser quase impossivel, pq moro sozinho e sempre leio depoimentos de sofrimento em relação a isso mas fiquei surpreso pq ela ficou quietinha o tempo todo,deixou eu cortar todas as unhas de uma vez e nem pestanejou uma vez se quer. eu devo ter sorte ehuaehauhe

  6. edson
    edson 25/02/2010 at 06:49 | | Responder

    Não é necessário dar um calmante antes de iniciar o corte das pontas das unhas? Abs.

  7. Marina
    Marina 23/07/2010 at 12:29 | | Responder

    É, não é mesmo tarefa fácil.
    Uma outra dica: quando preciso aplicar remédio (ela já teve otite), ou vermifugar, e cortar as unhas da minha gatinha, é enrolar ela numa toalha grande. Você imobiliza o bichano, e como a toalha é macia, não corre o risco de machucar você ou o seu pet. É uma boa dica pra quem tem que fazer isso sozinho. Minha tia que me ensinou a fazer isso.

  8. Ana Portugal
    Ana Portugal 29/08/2011 at 14:08 | | Responder

    Adorei todos os comentários…me vi em muitos deles…meu Kiwi é bem levado…por falta de tempo e por estressar o bichano sair do aconchego do lar, tentei cortar as garrinhas dele com cortador de unha para humanos…desastre total…fiquei muito triste comigo mesma…o negócio é o cortador adequado…

  9. Darileia Donaduzzi
    Darileia Donaduzzi 02/04/2013 at 19:57 | | Responder

    Na matéria você comentou que dois dos seus gatos são mais difíceis de cortar a unha, o meu não é nada fácil também, mas eu achei um jeitinho que dá um pouquinho de trabalho, mas me salvou e a ele também, não o deixa estressado e é confortável para mim, vez que tenho que cortar as unhas dele sempre sozinha. Prefiro cortar sempre próximo ao horário dele ir dormir, depois dele brincar bastante, faço uns cafunés, aconchego ele no meu colo, quando ele esta adormecendo inicio minha tarefa, sempre mantendo só ele no cômodo que estou, vez que tenho dois cachorros que convivem com ele e como eles não conseguem se ver sem estar se enroscando uns com os outros para brincar, prefiro um ambiente mais calmo, assim corto as unhas dele sem ele nem perceber direito, se ele começa a se agitar, eu paro e acalmo ele então recomeço tudo novamente!!! Não é fácil, mas acaba sendo prazeroso, pelo menos para mim… kkkkkk

Deixe seu comentário